Busca

/Blog Hugo Leal

Hugo Leal recebe representantes da Educação Católica


>No documento a ANEC relata a presença da Educação Católica em todo o território nacional mostrando que as instituições católicas atendem a 1 milhão e 600 mil jovens e 50 mil deles são beneficiados com bolsas de estudo.

A ANEC afirma que é aberta ao diálogo com a sociedade brasileira buscando sempre avançar no setor produtivo e parceira do Poder Público na promoção do bem comum. Ela garante que suas relações com o Estado não a privilegia de qualquer favorecimento e que requer o respeito às prerrogativas previstas pela Constituição Federal em favor da educação promovida pelas instituições comunitárias e confessionais.

? É justa a reivindicação dos representantes da Educação Católica do Brasil. A Igreja Católica é uma referência na educação no nosso País. Sua atuação na superação da desigualdade social merece o nosso respeito e precisa ser resguardada pelo Estado ? afirmou Hugo Leal.

O entendimento da entidade expresso na carta é de que o sistema de Educação Católica no Brasil não pode e nem pretende se custeado exclusivamente com benefícios públicos estatais, o seu objetivo é continuar o trabalho desenvolvido há muito tempo em benefícios da sociedade com garantias consolidadas na legislação.

? O que aconteceria se as instituições de educação católicas se retirassem da educação, da saúde e da beneficência. Não queremos nada além do que está previsto na Constituição ? disse o presidente da ANEC, Pe. José Marinoni.

Assessoria de comunicação do dep. Hugo Leal

Deixe um Comentário